Linha

EIKO HIROKI FLUMIGNAN - Eiflu

Foto Yuzi e Kikue Hiroki   Foto Eiko Hiroki
    Natural de Lins - SP, filha de Yuzo Hiroki e Kikue Wakita Hiroki, casou-se com Izidoro Flumignan e tiveram 3 filhos, Izidoro, Viviane e Vanessa, todos médicos. Graduou-se mestre em Desenho Técnico pela Escola Técnica Fernando Costa de Lins em 1955 e  em 1922 graduou-se em Direito pela Universidade Estadual de Londrina. Foi Diretora da Escola Rainha da Paz de Alto Paraná em 1958 e exerceu o cargo de Magistério de Ensino Médio nas disciplinas de Desenho, Canto Orfeônico, História Geral e Matemática no Colégio Estadual Dr. José Vaz de Carvalho, de Paranavai, em 1960, e em diversos outros estabelecimentos de ensino estaduais nas cidades onde residiu, inclusive no Colégio Estadual da Capital do Estado. Foi aprovada em concurso público para o Magistério de 2 Grau, na disciplina de Desenho Geométrico em 1961. Assumiu a presidência da APAE de Sertanópolis-PR. de 1969 a 1973 em cujo mandato construiu o Pavilhão das Oficinas Protegidas. Foi madrinha da corporação Guarda Mirim, quando da sua criação em 1972. Também exerceu a Diretoria do Departamento de Planejamento Familiar da BEMFAM - Sociedade Civil de Bem Estar Familiar do Brasil, integrada no Servico de Obras Sociais, de Sertanópolis, gestão de 1972/74. Foi Diretora do Colégio Professor João de Oliveira Gomes e do Complexo Escolar Horácio Amaral de 1978 a 1981 em Campo Mourão-PR. Em Londrina, de 1981 a 1989 exerceu o Magistério do Ensino Médio no Colégio Estadual Evaristo de Veiga, onde foi orientadora da Cooparativa Escolar, Bibliotecária e Auxiliar de Administração. Participou do Lions Clube de Campo Mourão, do Lions Clube de Londrina Igapó e Lions Clube de Londrina Centro, sucessivamente de 1976 à 1998. Foi Membro da Associação da Damas de Caridade de Londrina, de que foi Presidente na gestão de 1994/95. Representou a ADCL no Conselho de Trânsito de Londrina. Foi Vice-Presidente da Associação Brasileira das Mulheres de Carreira Jurídica, da Seção de Londrina, gestão 1997/2000. Recebeu o Prêmio Destaque Mulher em 1998 pelo Centro Cultural Marinósio Filho - entidade filantrópica de Londrina-PR - cuja homenagem é concedida a mulheres que dedicadas para a evolução daquela cidade. Atualmente exerce a advocacia junto com o marido desde 1992 em Curitiba, onde também reside e cuida da família com muito amor e dedicação. Seu talento artístico permeia sua vida em todos os momentos, cujas produções se destacaram pelas linhas exatas, dos desenhos bem definidos, dos detalhes firmes, das cores surpreendentes e contrastantes e da emoção triunfal. Cada obra conta um momento, um estado de espirito, um sonho profundo que transmite serenidade, disciplina, trabalho e alegria. Alías, os mesmos adjetivos que sempre permearam seu carácter de mulher, de mãe e de avó. Outras obras com o passar do tempo serão inseridas nesta página se imortalizarão nos registros digitais. Esta página, inalgurada em 23 de agosto de 2013, no seu 78º aniversário, é um presente de seu filho primogênito que para sempre cantará as mais belas canções de gratidão e apreço.    

Tigre de Eiflu

VOLTA - BACK


Linha